domingo, 2 de outubro de 2011

Minha História – 1º namoro gay

Parei da última vez falando do Marcos T., pois é alimentava todos os meus desejos frustrados com o Henrique nele, pois seu comportamento amável e respeitoso lhe tornava um verdadeiro príncipe, mas minha paixonite por ele durou pouco aos poucos fiquei sabendo que tinha uma filha e que era afim de uma menina do caixa. Mas ele não era do tipo o pegador apesar de ser um rapaz bem bonito. Infelizmente alguns meses ele saiu da empresa.
Depois disso pelo menos estava curado da paixão pelo Henrique ou pelo menos havia superado. 



Fui promovido para um cargo de liderança. O engraçado é que depois desta fase parece que passei a chamar a atenção de alguns garotos “possivelmente gays ou bi”, não sei ao certo, e alguns sempre queriam trabalhar comigo de madrugada (nesta época trabalhava a noite com uma equipe a minha escolha). O mais curioso era um rapaz chamado Thiago que tinha prazer de implicar comigo e tinha várias brincadeirinhas de ficar pegando. Ele sempre me dizia a seguinte frase:
- Tá pensando que eu não sei qual é sua, faz muito tempo que eu estou ligado na sua.



Sempre falava isso e fazia cara de safado, mas como ele só vivia me zoando, não sei ao certo qual era a dele.
Nisso tinha um rapaz também Thiago, mas que era gay praticamente assumido, começamos uma amizade ele sempre se oferecia para trabalhar comigo, e ficávamos conversando, até que um dia ele virou para mim e disse:
- Você já reparou o que esta acontecendo conosco, né? Eu gosto de você e você gosta de mim, por que não tentamos algo?
E eu todo sem graça disse:
- Nunca namorei garotos e não sei se gosto de você.
E ele:
- Então fica comigo que eu faço gostar.



E fiquei, no inicio me esforcei para agradá-lo, fingia que gostava dele, mas passados os primeiros 15 dias, percebemos as diferenças, ele era da noite e eu do dia, ele gostava de beber e eu não, ele era festeiro e eu não, mas o principal ele era irresponsável e eu não. 



E começamos a ter alguns desentendimentos e surge mais alguém nesta história... que conto depois.

Música desta fase: Call me when you're sober - Evanescense


Reações:

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget