sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Resumo dos últimos acontecimentos

Mãe


Como já contei aqui, minha mãe ficou muito doente, teve um AVC e de acordo com os médicos foi gravíssimo. Devido a este problema dela, tirei alguns dias de licença para tomar conta dela. Pela falta de informação sobre este assunto, ficava o dia todo ao lado dela com medo que ela passasse mal novamente, mas graças a Deus descobri que não é tão medonho assim. O médico disse que quase todas as pessoas que tem um AVC, tem outro, achei que isso pudesse ser imediato, mas descobri que pode nem acontecer.






Família e outros


Devido a este cuidado com minha mãe, fiquei muito preocupado com ela e pedi a meu namorado um pouco de paciência neste período, que saíssemos menos para que eu pudesse cuidar dela. E ele prontamente concordou, só me pediu que fossemos a um evento em um domingo a noite pois já hávia comprado nossos ingressos a muito tempo. Então avisei a meu padrasto e meu irmão de 22 anos, que naquele dia precisaria que eles ficassem com ela para que eu saísse. Eles concordaram, porém no dia em questão os dois acordaram e começaram a beber. Aquilo me deixou muito chateado, mas mesmo assim meu namorado não podia sofrer por causa de meu problema. 
Fui com meu coração apertado por deixar minha mãe com eles bêbados, mas fui. Quando retornei meu irmão de 14 anos, que chegou depois que saí, me contou vários absurdos, que minha mãe havia chorado muito, que minha irmã de cinco anos passou o dia na casa de um vizinho louco, que ao levar minha mãe ao banheiro meu padrasto que estava bêbado bateu com a mão paralisada dela na parede e ficou um hematoma horrível. Depois deste dia fiquei com ódio dele, e muito chateado com meu irmão (22 anos), pois ele podia ter ficado com minha mãe, mas não ficou. Estava tentando salvar o casamento dele. 
Uma semana se passou até que meu padrasto chegou bêbado novamente e começou a reclamar, nisso eu perguntei se o problema era comigo. Foi ai que ele disse que sim, que eu não presto, que eu exclui ele dos cuidados com minha mãe, que eu sou preconceituoso, só porque não gosto da família dele, pois são destruidores. E no fim disse que queria que eu saísse da casa dele, eu disse que também não quero ficar e ele ajoelhou e agradeceu a Deus, pela minha decisão. Me senti muito humilhado.






Meu namorado


Durante todo este tempo têm tentado me ajudar, mas como ele não fala mais com minha mãe e não gosta de minha família, não aceita que eu passe por estas coisas e de certa forma culpa minha mãe, pelo que me acontece. Ele não está de fato errado. Todo este problema fez a gente ter alguns desentendimentos, mas graças a Deus e ao nosso amor tudo está voltando aos eixos. Estamos agora planejando nossa casa para que possamos ter mais privacidade. 






Bom este resumão foi para explicar minha ausência e colocá-los um pouco a par de minha vida. A maior dificuldade dos últimos dias tem sido, não ter onde comer, pois não como mais nada na casa do marido de minha mãe e também não uso nada que ele tenha comprado por exemplo: fogão e geladeira. Outro dilema tem sido como falar para minha mãe que vou embora, de acordo com os médicos este tipo de notícia pode matá-la ou fazê-la entrar em depressão. Mas quero contar na próxima segunda, até porque só vou sair da casa dele, mas ainda vou cuidar dela dentro do possível.

Reações:

1 comentários:

que 2012 seja um ano mágico para todos nós e q vc encontre a solução para todos os seu entraves ... seja feliz com todos os seus ...

bjão ...

ps: esta versão do Hino Nacional ficou portentosa querido ...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget