quarta-feira, 18 de maio de 2011

Meu sentimento agora

Parecia que tinha uma luz no fim do túnel.



Apesar do tempo chuvoso, achei que minha vida tem tido alguns raios de sol. O que parecia impossível, se torna alcançável. Meu amor já fala comigo, não me ignora mais. Na ultima segunda peguei meu telefone e tinha uma ligação perdida dele. Olhei e pensei será que ligo de volta ou não. Pode ser que ele queira falar comigo, pode ser que tenha ligado por engano ou pior tenha ligado para me dar alguma bronca, pois no fim de semana devido a grande preocupação com ele tentei falar com todos os conhecidos dele para obter notícias. Estava no ônibus e o temor tomou conta de mim. Depois de muito pensar decidi ligar de volta, afinal era melhor ouvir a voz dele brigando comigo do que não escutá-la de jeito algum.
Tomei coragem liguei para ele, e ele me atendeu com uma voz tão doce, logo que ele atendeu perguntei a ele: - Tinha uma ligação sua no meu telefone, era para eu ligar mesmo? E ele disse: - Sim, liguei para sua mãe agora.
Foi ai que falei para ele que eu tava comendo, que estava indo a faculdade. E ele me disse que não perguntou nada disso. Liguei para ela só para saber como estavam as coisas.

Ele e minha mãe, se davam bem, só que eu talvez por ciúme ou qualquer outro sentimento ruim, comecei a envenenar um contra o outro, e eles se distanciaram. Hoje pago um preço alto por essas atitudes.
Mas enfim, nós conversamos e ele me disse que já estava menos chateado e que agora poderíamos conversar de vez em quando. Não me deu esperanças, mas eu as alimentei. Liguei para ele na terça, e nada dele atender, liguei de novo e de novo e nada. Comecei a me desesperar, pensei que tinha feito algo errado com ele. Chorei muito e enviei vários torpedos, pedindo que me explicasse o que eu tinha feito. Depois de esperar o dia todo, eram quase 10 horas e ele me ligou. Perguntei se eu tinha feito algo e ele disse que não. Ele disse que não ouviu o telefone, e conversamos bem. Disse que talvez poderíamos marcar algo para o fim da semana. Fiquei muito feliz, imaginei um monte de coisas, fiz um monte de planos. Porém hoje, liguei para ele de novo e perguntei se estava de pé o “encontro” no fim de semana. Foi ai que ele me disse que não e que estava pensando ainda. E o pior me disse que precisa me dizer algo importante e que não é para imaginar que vamos ficar bem por que não vamos, e que pra me dar alguma chance, ele depende de outras pessoas. Isso foi um horror para mim, naquele momento todo meu sofrimento voltou a tona e tive vontade de morrer. Pena que não tenho coragem nem para isso. Quem serão estas pessoas que podem definir meu futuro, ele não quis dizer. Não imaginei que ele voltaria para mim, acreditei apenas que poderia mostrar a ele que quero ser diferente. E ai sim voltarmos. Sei que demorei, mas eu o amo e preciso dele mas do que jamais imaginei. Já vivemos os momentos mais belos do mundo e ainda podemos viver. Peço a Deus que me dê forças...

Reações:

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget